Produção Voluntaria de Máscaras no CRAS Triângulo.

FOTO: FABIANA DAMASCENO

Com o avanço do COVID-19 no Brasil e com a altas taxas de contágio e mortes pela doença no Ceará, umas das recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde) é o uso de máscara. Por conta do aumento na procura por máscaras e a baixa oferta, os preços subiram muito, dificultando a aquisição por parte de pessoas de baixa renda. Por conta disso, em todo Brasil, várias instituições e pessoas em iniciativas independentes começaram a fabricar máscaras para distribuição gratuita.

Aqui em Juazeiro do Norte, a SEDEST (Secretaria de Desenvolvimento Social e Trabalho) incentivou e apoiou a produção de máscaras em várias instituições e uma delas é o CRAS (Centro de Referência e Assistência Social) do bairro Triângulo. Além do incentivo, a SEDEST e o Prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, estão fornecendo o material necessário para a produção das máscaras.

A coordenadora do CRAS Triângulo, Fabiana Damasceno, explicou que as máscaras estão sendo produzidas por 4 mulheres e 3 homens que participam dos grupos de assistência do CRAS. Ela informou também que todo o trabalho é voluntário e a produção segue todas as recomendações de higienização e distanciamento social.

Uma parte da distribuição das máscaras é feita pela SEDEST, que abastece os equipamentos públicos de saúde e os profissionais que estão na linha de frente do combate ao COVID-19. A outra parte da distribuição é realizada pelo CRAS, para as pessoas que estão recebendo assistência e para os moradores da comunidade do Triângulo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s